Assine nossa Newsletter!

COMUNICADO

FENATTEL participa da Conferência Temática 2022 da UNI Américas

Dirigentes da FENATTEL participaram da Conferência Temática 2022 da Uni Américas, em Fortaleza-CE.

O evento contou com a participação de mais de 600 representantes sindicais de mais de 24 países das Américas e da Europa.

Após dois anos, desde a última Conferência, sindicalistas do Brasil e do mundo se reuniram na capital cearense, em 29 e 30 de junho.

O objetivo da Conferência é o de construir agendas que demandam proteção aos direitos, à saúde e aos meios de vida dos trabalhadores, por meio da ação e negociação coletiva e da solidariedade mundial.

Segundo a UNI Américas, sua missão é construir poder aos trabalhadores por meio de sindicatos fortes para defender direitos e construir o futuro.

O início da Conferência se desenvolveu a partir da análise das relações sindicais com os processos políticos no contexto dos movimentos progressistas. A sessão foi dividida em dois blocos, um político e o outro sindical.

O renascimento dos movimentos progressistas, o que implica isso para os trabalhadores e como analisamos a relação do movimento sindical com os processos políticos que estão se desenvolvendo no contexto dos movimentos progressistas foram os temas debatidos pelos participantes durante esses dois primeiros blocos.

Nas sessões decorrentes da Conferência foram abordados os seguintes temas:

• Construindo nosso Futuro com Democracia e Direitos: Compreendendo o papel ativo dos sindicatos na defesa dos direitos humanos, igualdade de gênero e as democracias no continente;

• Defendamos nossos direitos com organização sindical: Como os sindicatos responderam neste último período, conseguindo negociar durante a pandemia, manter acordos coletivos e continuar crescendo como sindicato?

• Vamos construir o nosso futuro com novos direitos: Os sindicatos conquistaram novos direitos perante as novas formas de trabalho que têm surgido, inovando em suas convenções coletivas e trazendo temas de saúde e segurança no trabalho como prioridade.

A seguir, o depoimento dos dirigentes da FENATTEL que participaram ativamente da Conferência Temática 2022:

“Vamos defender os nossos direitos e construir nosso futuro. Esta frase reflete muito bem o que foi discutido nesta Conferência Temática. Ficou claro que o sentimento único é de solidariedade na luta em defesa da democracia e dos direitos dos trabalhadores”, ressaltou Gilberto Dourado, presidente da FENATTEL e do SINTETEL.

“A Conferência Temática serviu para aprimorar o trabalho da atuação sindical junto à categoria. Nosso papel, enquanto sindicalistas, é fortalecer nossas bases para manter e conquistar novos direitos. Isso só será possível com a unidade do movimento sindical”, disse José Roberto da Silva, Presidente da CONTICOP e Vice-Presidente do SINTETEL.

“Infelizmente ainda temos no movimento sindical, e entre os trabalhadores, apoiadores desse governo insensível, precarizador de direitos trabalhistas e sem nenhuma empatia com as camadas da população desfavorecidas. Tenho certeza que vamos mudar essa situação com o voto nas próximas eleições”, discursou Mauro Cava de Britto, Secretário Geral do SINTETEL.

“Em qualquer luta, unidos teremos mais força. Seguiremos lutando, pois só assim, conquistaremos um futuro com democracia e mais direitos à classe trabalhadora. Basta de violência no local de trabalho e lutaremos pela ratificação da Convenção 190 da OIT”, destacou a diretora Social do SINTETEL, Cristiane do Nascimento.

“Para construir nosso futuro com democracia e direitos precisamos avançar nos debates, trabalhar com a diversidade e inclusão. É necessário envolver todos os representantes sindicais, porque somos atores principais dos debates realizados durante esses dias de Conferência. Defender nossos direitos com organização sindical é garantir nosso futuro com novos e mais direitos”, afirmou a secretária da Mulher da FENATTEL, Maria Edna Medeiros.

“Este tipo de evento é de extrema importância para reforçar e fortalecer toda a luta que a entidade sindical faz pelo trabalhador. Muito mais do que reajustes em Acordos Coletivos, nossa missão é lutar por melhores condições de trabalho, pelo cumprimento das NRs e garantir que os direitos conquistados não sejam retirados”, Rogério Soares, presidente do SINTTEL-SC.

“Como mulher e representantes dos jovens da FENATTEL e CONTCOP, devemos votar em quem respeita o pobre, negro, a mulher, o jovem. Em quem tenha valores e princípios e seja a favor da causa do trabalhador”, disse Gabriela Monteiro secretária da Juventude da FENATTEL e da CONTCOP.

“Essa conferência é uma oportunidade importante para compartilhar ideias e experiências para o fortalecimento da democracia e juntos defender os nossos direitos e um futuro melhor e digno para os trabalhadores e trabalhadoras”, relatou Lauro Benedito de Siqueira, vice-Presidente do SINTTEL-MT.

“É com satisfação que nós do SINTITEL Paraná, agradecemos a FENATTEL pelo convite e pela oportunidade de participar da Conferência da UNI Américas, na qual debatemos sobre as melhores condições de trabalho, a igualdade e o retorno da classe trabalhadora nas políticas de inclusão social e de fortalecimento dos Sindicatos”, ressalta Joílson Graminho, presidente do SINTETEL-Paraná.

PARTICIPE

1468451887_02

Envie sua notícia

Participe você também!

 

Enviar